OIA - Organización Internacional Agropecuaria | Servicio Internacional de Certificación
OIA - Organización Internacional Agropecuaria | Servicio Internacional de Certificación OIA - Organización Internacional Agropecuaria | Servicio Internacional de Certificación
Organismo de Acreditação
Acreditações
Organismo Argentino de Acreditação (OAA)

Credenciada pela OAA como Organismo de Certificação de Produtos sob o Nº OCP 020 no cumprimento com os requerimentos estabelecidos pela Norma ISO/IEC 17065:2012.

GLOBAL G.A.P. - The Global Partnership for Good Agricultural Practice

Credenciada pela OAA para a certificação das Normas GLOBAL G.A.P., as quais controlam o cumprimento do Programa de Boas Práticas Agrícolas (Good Agricultural Practice, G.A.P.) de: frutas e hortaliças, cultivos a granel, gado vacum e ovino, gado leiteiro e aves de curral. A OIA está monitorada pelo GLOBALG.A.P. Certification Integrity Programme (CIPRO).

Ministério da Agricultura, Pecuária e Pesca da República Argentina (MinAgri)

Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar (Senasa) da República Argentina

- Conferida pelo Senasa no cumprimento dos requisitos estabelecidos pelo Guia ISO/IEC 65:1997 – EN 45.011, sobre critérios gerais relativos aos organismos que realizam certificação de produtos sob normas controladas pelo Senasa.

- Habilitada pelo Senasa para a certificação de produtos orgânicos de origem animal na República Argentina, no Registro Nacional de Entidades Certificadoras de Produtos Ecológicos de Origem Animal sob o Nº 001, mediante Nota 15/94-GAPAF.

- Habilitada pelo Senasa para a certificação de produtos orgânicos de origem vegetal na República Argentina, no Registro Nacional de Entidades Certificadoras de Produtos Orgânicos de Origem Vegetal sob o Nº 001, mediante Nota 274/93-GAPAF.

- Habilitada pelo Senasa para a certificação de Identidade Preservada – Não-OGM, no Registro Nacional de Entidades Certificadoras de Identidade Preservada sob o Nº 001, mediante Resolução Senasa 61/2000.

- Habilitada pelo Senasa para a certificação de Atributos de Qualidade em Alimentos sob a Resolução Senasa Nº 280/2001, no Registro Nacional de Entidades Certificadoras de Qualidade em Alimentos sob o Nº 001, mediante Resolução Senasa 148/02.

'Alimentos Argentinos, una Elección Natural” (Alimentos Argentinos, uma Escolha Natural)

- Habilitada pelo MinAgri para auditar o Selo “Alimentos Argentinos, una Elección Natural” (Alimentos Argentinos, uma Escolha Natural), ao estar habilitada pelo Senasa para a certificação de Atributos de Qualidade em Alimentos sob a Resolução Senasa Nº 280/2001, no Registro Nacional de Entidades Certificadoras de Qualidade em Alimentos sob o Nº 001.

União Europeia

- Habilitada pelo Senasa e reconhecida pela União Europeia, em cumprimento com o Regulamento 834/2007 (ex 2092/91) da Comissão Europeia para a agricultura orgânica; pela qual é reconhecida a República Argentina como terceiro país para a certificação de produtos orgânicos com destino à União Europeia a partir da homologação de ambas as normativas orgânicas.

Japanese Agricultural Standard

- Habilitada pelo MinAgri para a certificação de produtos orgânicos com destino ao Japão, de acordo com as equivalências estabelecidas em normativa orgânica entre o Senasa e MAFF (Ministério de Agricultura, Florestamento e Pesca do Japão) em relação ao Japanese Agricultural Standard (JAS).

International Organic Accreditation Service (IOAS)

Credenciada pelo IOAS no cumprimento do Guia ISO/IEC 65:1996, sobre os requerimentos gerais para organismos que operam sob sistemas de certificação de produtos, com o seguinte alcance: normas OIA para orgânicos e têxteis, equivalência de terceiros países conforme as normas orgânicas de produção e processamento da União Europeia.

International Federation of Organic Agriculture Movements (IFOAM)

Credenciada pelo IOAS para o programa IFOAM, sistema internacional comum de verificação que permite às certificadoras credenciadas oferecer uma garantia de qualidade superior procurada pelos mercados orgânicos.

Canadian Food Inspection Agency (CFIA)

Credenciada pelo IOAS e pela CFIA (Canadian Food Inspection Agency) para o programa Canada Organic Regime (COR) sob o nº COR00906013, para certificar produtos orgânicos com destino ao Canadá em cumprimento com os requerimentos da Norma do Canadá (CAN/CGSB 32.310) e a lista de produtos permitidos (CAN/CGSB 32.311).

Global Organic Textile Standards (GOTS)

Credenciada pelo IOAS para a certificação da Norma GOTS, com os seguintes alcances: processos mecânicos têxteis (penteado, cardado, fiado, outros) e subprodutos; processamentos sob condições de umidade (lavagem, tingimento, outros), acabamentos de peças, e subprodutos; operações comerciais e produtos relacionados.

United States Department of Agriculture (USDA)

Credenciada pelo USDA como certificadora de produtos orgânicos que cumpram com o National Organic Program (NOP) dos Estados Unidos. 

Coordenação Geral de Acreditação (Cgcre) do Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro); Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, República Federativa do Brasil.

Habilitada pelo Inmetro para a emissão de certificados de produtos orgânicos no Brasil, de acordo com os requisitos estabelecidos na ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) ISO/IEC Guia 65/1997.

Soil Association

Reconhecida pela Soil Association no acordo de aceitação de carne e mel orgânicas com destino ao Reino Unido.

Bio Suisse

Reconhecida pela Bio Suisse para o ingresso de produtos orgânicos certificados com destino à Suíça.

Accreditation Services International (ASI)

Marine Stewardship Council (MSC)

Credenciada pela ASI (Accreditation Services International) em cumprimento com os critérios e princípios da certificação MSC em Pesca Sustentável, a qual certifica a sustentabilidade do sistema pesqueiro em sua totalidade e a rastreabilidade (cadeia de custódia) do produto.

Instituto Brasileiro de Frutas (IBRAF)

Habilitada pelo Ibraf para gerenciar e garantir o Selo Fruta Sustentável, com a supervisão do Comitê Técnico do Ibraf.

Organic Trade Association (OTA)

A OIA é membro da OTA.

Movimento Argentino para a Produção Orgânica (MAPO)

A OIA é sócio fundador e membro da Comissão Diretiva do MAPO.

Câmara de Certificadoras de Alimentos, Produtos Orgânicos e afins (CACER)

A OIA é sócio fundador e membro da Comissão Diretiva da CACER.